martes 28 junio, 2022
banner agfa

Tecnologia Suros de biópsia a vácuo na Clinica MamaImagem – Dra. Selma de Pace Bauab

Um dos principais centros de diagnóstico das patologias da mama, a Clinica MamaImagem, pioneira na utilização do mamógrafo digital da Lorad/Hologic no  interior de São Paulo, acaba de incluir em sua rotina de trabalho a tecnologia Suros para biopsia a vácuo.

Para a Dra. Selma de Pace Bauab, diretora da clínica, a decisão segue uma seqüência lógica na história da clinica, de estar sempre atualizando a sua tecnologia.

A opção foi uma decisão refletida, focada não apenas no momento atual, pois, dentre todos os equipamentos de biópsia já testados, a tecnologia Suros oferece alguns diferenciais que se enquadram nessa filosofia de trabalho.

Tem qualidades que a diferenciam, como o calibre da agulha, velocidade e praticidade na coleta dos espécimes, além do material utilizado ser totalmente descartável. É uma tecnologia eficiente, pois apesar do calibre da agulha ser maior, provoca menos hematoma que a core biopsy, devido ao sistema de lavagem e drenagem da cavidade. Outro fator importante é sua versatilidade, pois pode ser utilizada na biópsia dirigida por ultra-som, por estereotaxia e por ressonância magnética.

Nossa experiência ainda é recente, mas acredito também que vá diminuir o número de resultados subestimados.

O único problema que vejo, principalmente aqui no interior é o custo, já que os convênios remuneram praticamente só o custo do material utilizado e isso nos preocupa, já que o investimento é alto. Nossa expectativa é que em um futuro próximo, o custo do material da biópsia diminua, os impostos caiam a níveis mais justos e os planos de saúde avaliem a importância e a qualidade do que é oferecido. Mesmo reconhecendo que a core biopsy é muito bem feita, com bons resultados, como atestam os próprios mastologistas de Rio Preto, eu pergunto: se nós podemos melhorar, por que não fazê-lo? E a biópsia a vácuo é um passo adiante”.

Como é o atendimento ?

Em nossa Clínica, realizamos cerca de 60 a 70 mamografias, 30 ultra-sonografias mamárias e 4 a  6 biópsias diariamente. Todas as pacientes passam pelo exame clínico. Se após a mamografia, há necessidade de ultra-sonografia, muitas vezes nós providenciamos para que possa ser feita de preferência no mesmo dia, para evitar deslocamentos adicionais da paciente, principalmente as idosas e as que vivem em outras cidades, no sentido de resolução do problema.  Se houver necessidade de biópsia e o médico assistente autorizar o procedimento, este também é feito, encurtando caminhos e buscando a melhor solução para a paciente e seu médico, tentando ajudar efetivamente.”

“Esse é o nosso diferencial, procuramos fazer o atendimento do começo ao fim, tentando aliar qualidade ao bom atendimento, tendo como objetivo o bem estar da paciente e de seu médico. (Fonte Jornal Pyramid News outubro/2008)

Artículos relacionados

Entrevista al Dr. Jorge Docampo

Me presento para aquellos que no me conocen, soy Jefe de Servicio de Neuroimágenes de la Fundación Científica del Sur, también soy médico de...

La vida dedicada a la docencia

La Dra. Beatriz González Ulloa inició sus pasos en el mundo de la radiología en el Centro Médico Nacional de Occidente en Guadalajara, México,...

El futuro de la salud está conectado

Felipe Basso es director de sistemas de salud de Philips en Brasil. En JPR están mostrando el portafolio de servicios y soluciones médicas para...

Medios de Contraste

Dr. José Alberto Briceño Polacre, Médico radiólogo, doctor en ciencias médicas, past president de la Sociedad Venezolana de Radiología, Profesor del Colegio Interamericano de...

Seguinos

2,319FansMe gusta
1,308SeguidoresSeguir

MÁS LEIDOS